18 de jan de 2014

Peças-tendência no trabalho, pode?

A gente sabe que muitas tendências apresentadas nas passarelas de semanas de moda são (quase) impossíveis de serem usadas no dia a dia, principalmente no trabalho. Mas elas ficam tããão em evidência que é quase irresistível levá-las para o escritório. Mas, e aí, pode ou não pode?


“Nem todo mundo ousa porque tem medo e algumas empresas realmente boicotam o uso de peças que não tenham a ver com o ambiente de trabalho”, explica a consultora de moda Ana Vaz. “Isso é mais comum em lugares como escritório de advocacia ou banco, em que a pessoa pode ser punida pela ousadia.” Mas saiba que é possível, sim, adaptar as tendências do momento com cautela.

Transparência: “Não é mais novidade, mas continua super em alta. Há três anos eu falaria ‘não use de jeito nenhum’. Hoje, a gente vê que há uma acomodação visual. Mas não pode ser usada com cara de lingerie. Quando é no marinho, preto e com muita renda, tudo isso leva para o lado sexy, aí tem que cobrir com um blazer ou um casaco de alfaiataria mais masculino”, explicou Ana. Se a ideia for usar uma camisa com transparência, a regra é outra. “Coloque uma blusa por baixo para não mostrar muito.”

Decote “boob window”: “Nos ambientes mais desencanados e criativos, este decote está liberado. O importante é tomar cuidado para não ficar muito abaixo do busto. Escolha uma peça que o recorte fique na linha da axila para cima e apenas o colo vai ficar à mostra. Se a empresa for mais tradicional, escolha uma cor mais sóbria, pois assim o decote será a única irreverência do look.”


Cropped: “Mostrar a barriga é complicado. Então só vale para as equipes mais jovens que trabalham em locais mais descolados. A regra é: use a cintura bem alta e mostre quase nada. Cubra com um colete bem bacana ou um cardigan e pronto.”

Estampas fun: “Elas são totalmente liberadas. A única coisa é que desenhos divertidos dão um ar mais infantil ou ingênuo. Então, se você não quer essa percepção em algum dia específico, evite. De resto, é tranquilo. Estampas são criativas e muito divertidas. Aproveite para usar um fundo escuro ou combinar com uma peça mais estruturada, que traz mais maturidade.” Anotou?

Fonte: Glamour

Nenhum comentário: